domingo, 25 de novembro de 2012

palavras

se é uma descoberta,
não sei.
se é algo extraordinário,
também não sei.
só sei que as palavras são pessoas.
e sendo pessoas,
são como pessoas.
nelas encontramos vida,
amor, dor, emoção, sentimento...

as palavras são como lírios
no campo
ditas no olhar de cada um
através dos gestos
transmitidos pelo toque dos lábios suaves
da boca que fala.

e a boca fala com o olhar
que ama
e se ama com as palavras
com o toque
com o sentimento
e amar é tudo que sei

pois

se me odiarem
amarei apenas

e se me odiarem mais uma vez
amarei outra vez

e se insistirem em me odiar
sei que a insistência do amor
vencerá

pois só sei amar

em palavras e gestos e sentimentos e atos

e palavras são como pessoas
e são pessoas em seu pleno ato de amar.

adenildo lima.

Um comentário:

Anônimo disse...

És um Poeta Extraordinário.