sábado, 24 de setembro de 2011

Clarina

teu jeito de ser menina me faz perder o controle. você é mulher, é bem mais do que pensavam os meus pensamentos de homem nos ensejos de encontrar alguém para amar. e quando você me olha, você acaba comigo. deixa-me fora de controle, fora dos meus próprios impulsos. sonho contigo a cada momento que te vejo. te desejo a cada olhadela que me olhas. você é mais do que qualquer sonho que já sonhei nos olhares de adolescente aos trinta. você não sabe, Clarina, mas tudo o que eu quero é poder abraçar teu corpo, beijar teus beijos, sentir teus desejos e acreditar que depois de várias madrugadas sozinho nas noites escuras é possível encontrar alguém para amar. assim eu te amo, Clarina, menina que dar sentido aos meus olhos.

adenildo lima

Nenhum comentário: