sexta-feira, 19 de agosto de 2011

Quando se cala...

Quando tudo se cala o silêncio grita em algum lugar. Um grito suave e forte aos ouvidos. Quando tudo se cala é preciso amar. Assim como é preciso amar em tempestades.

adenildo lima

Nenhum comentário: