quarta-feira, 27 de julho de 2011

Falo de amor

Neste momento eu queria falar de amor, não dos amores inventados e recriados nas passarelas das modas, que desfaz a pele suave e doce da menina por maquiagens. Falo de amor. De um amor que parece ausente na sociedade. Falo de um simples amor. Falo de um amor que os olhares perderam quando se olham.

Ah, de um amor que tanto faz falta, é desse amor que falo...

adenildo lima

Nenhum comentário: