domingo, 12 de junho de 2011

sem inspiração

amigo leitor, sabe aquelas horas em que paramos para escrever e nada vem a mente? é complicado. estou assim agora. pensei em escrever sobre a arte, sobre o dia dos namorados. mas nada disso me trouxe inspiração. falo inspiraçao pelo motivo de acreditar que preciso de algo para escrever, que chamo de impulso.

se eu fosse falar de arte. iria falar dos artistas ocultos. não sei se o amigo leitor conhece esses artistas ou se já paraou para pensar sobre eles algumas vezes. eu paro, e conheço vários, inclusive. artistas esquecidos nas pastas de arquivos dos computadores, perdidos nas esquinas e pelas esquinas com um olhar interrogativo sem saber por onde caminhar. e só isso já reflete um artista oculto.

mas esse artista não é tão oculto assim. é bem provável que ele se apresente para os amigos, para os familiares etc.. o que é ruim é que muitos pensam que ser artista é ser famoso, divulgado na mídia. loucura pensar assim. ser artista é ser capaz de respirar sentimentos humanos. e como temos artistas escondidos por aí.

hoje, até que com a internet é um grande meio para não deixá-los tão escondidos assim, mas mesmo assim, para o artista sem o apoio do poder público, de uma política pública voltada para a arte. fica difícil.

e como falei no começo deste texto, pensei em escrever sobre o dia dos namorados. mas não tenho muito o que escrever. dia dos namorados para mim deveria ser todos os dias. o dia 12 é apenas um bom dia para o comércio. isso sim.

amar mesmo é não esperar que o dia dos namorados chegue para amar.

adenildo lima.

Um comentário:

Denise Mendes disse...

De fato são tantos artistas espahados pelo mundo tateando os sentidos e vivendo uma vida repleta de significados que muitos desconhecem.
Ademais enquanto a falta de inspiração isso acomete a qualquer escritor, mas as vezes atá nossa própria falta da mesma nos inspira, não é verdade? rsr

Parabéns pelo texto.
Abraços, Denise.

http://denisemendes.blogspot.com/2009/11/menina-e-estrela.html