domingo, 29 de maio de 2011

amor à parte

dois amores
um à parte
outro partido
amor assim
parte o coração
de um lado
alivia a dor
de outro lado
a dor aumenta
amor assim
deixa o coração
numa tormenta

adenildo lima

3 comentários:

Márcio Ahimsa disse...

amor à parte
é uma arte
que ninguém
aguenta

Sam disse...

amor à parte
que arde
quando parte
reparte
abraços
e laços
apartam
uma parte
da história.

Meu carinho, Adê.
Samara Bassi

Denise Mendes disse...

Gostei do poema!
Pequeno, simples,
mas muito bonito.(:

abraços, Denise.