segunda-feira, 1 de novembro de 2010

O mundo aplaude Dilma, e LULA!!!















"

01/11 às 01h42

O Globo, com agências internacionais

RIO – Logo que foi anunciada a vitória de Dilma Roussef à presidência do Brasil, a petista foi saudada por mensagens de congratulação enviadas por líderes de todo o mundo.

O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, deu as boas-vindas à próxima presidente e disse que ela se converterá em uma “gigante”.

“Irmã, companheira, bem-vinda a este clube”, disse Chávez, ao final do seu programa dominical Alô Presidente, minutos antes do primeiro discurso de Dilma como presidente eleita.

Chávez, que em seu artigo publicado nos jornais deste domingo já comemorava a eventual vitória de Dilma, disse que a petista vem de uma “dura batalha” em defesa do Brasil.

“Você vem de longe, companheira, te conheço. Sabemos de onde você vem, da batalha pelo Brasil, da batalha dura. Uma mulher patriota”, afirmou. “Ela se converterá, como a Cristina (Kirchner) em uma gigante.”

O governo argentino também felicitou Dilma pela vitória nas eleições presidenciais, segundo a agência de notícias chinesa “Xinhua”.

Em um comunicado, o governo da Argentina deseja “o maior dos êxitos em sua futura gestão”. A nota argentina ainda diz que “este triunfo afirma a continuidade das políticas que se vêm desenvolvendo, tanto no Mercosul (Mercado Comum do Sul) como na Unasul (União de Nações Sul-americanas), para o bem-estar dos nossos povos e de toda a comunidade latino-americana”.

A agência de notícias EFE, informou que o presidente de Portugal, Aníbal Cavaco Silva, felicitou a presidente eleita e se mostrou seguro de que seu mandato constituirá “uma renovada oportunidade” para aprofundar as relações bilaterais” entre os países.

Na mensagem, Cavaco transmite as “mais efusivas felicitações” em seu nome e em nome do povo português, e deseja “o maior êxito” no exercício de suas funções. O chefe do governo português disse ainda que espera uma visita de Rousseff em breve.

Segundo a agência de notícias AngolaPress, o presidente do Governo espanhol, José Luis Rodríguez Zapatero, enviou um telegrama de felicitações a Dilma, em que se compromete a trabalhar para manter a boa relação entre Brasil e Espanha. Na mensagem, Zapatero ainda deseja os maiores êxitos à próxima presidente, em seu nome, em nome do Governo e de todos os espanhóis.

“Continuaremos a trabalhar para que as relações entre os nossos países continuem a um nível magnífico”, diz o telegrama, reproduzido pela agência.

O presidente da França, Nicolas Sarkozy, parabenizou Dilma Rousseff em nota:

“Essa vitória demonstra o reconhecimento do povo brasileiro pelo trabalho considerável que ela tem desenvolvido com o presidente Lula para o Brasil tornar-se um país moderno e mais justo”, afirmou o presidente francês.

Segundo o presidente da França, o resultado das eleições traduz ainda a confiança que o povo brasileiro deposita na nova presidente. Ele citou que o Brasil e a França compartilham dos mesmos valores e de uma visão de mundo comum, na qual se mostra a necessidade de reduzir a pobreza e de lutar contra as mudanças climáticas.

“Nesta caminhada, o presidente da República garante à senhora Dilma Rousseff que poderá continuar contando com a amizade e o apoio indefectíveis da França”, destacou a autoridade francesa, ressaltando que pretende prosseguir e aprofundar a parceira à qual ele e o presidente Lula “têm dado um cunho verdadeiramente estratégico”.

Na mesma linha, o ministro das relações exteriores e europeias da França, Bernard Kouchner, também demonstrou apoio à candidata recém-eleita. Segundo o ministro, as relações entre o Brasil e a França tiveram, durante o governo Lula, avanços notáveis em todas as áreas, “quer política, econômica, estratégica, ou cultural”.

“E nossa cooperação há de intensificar-se ainda mais no decorrer dos próximos meses, principalmente com a presidência francesa do G20″, afirmou o ministro.

Leia mais: Vitória de Dilma Rousseff tem grande repercussão na imprensa internacional "

Nenhum comentário: