quarta-feira, 24 de setembro de 2008

Contraste

Têm adultos que parecem crianças, e têm crianças que parecem adultos. Mas como parecer não é ser, muitas atitudes adultas são vergonhosas, fecham a cara... com nada! confundem coisas banais com coisas sérias e, ainda se acham, os deuses do acontecimento.

As crianças são diferentes, elas amam. Muitos adultos, ao contrário, só fingem. Por isso que "não sou alegre, nem sou triste: sou poeta". Como diz Cecília Meireles.

Por Adenildo Lima

Um comentário:

marcela disse...

Triste este comentário! Mas faça o seguinte: Viva o dia de hoje com alegria e mais importante ainda seja a situação qual for : boa ou má!