terça-feira, 10 de junho de 2008

O contraste humano

O homem diante do homem sente vergonha de ser homem, e o agride, e o bate, e tenta humilhá-lo. O ser humano é tão covarde que por não aceitar a si mesmo, agride ao outro. Isso é o que eu chamo de covardia. Mas um dia a humanidade se torna humana.
Por Adenildo Lima

Um comentário:

Juliana disse...

Caramba poeta. Você e essa mania de indagar a vida, e nos fazer pensar/sonhar. Pensar, sonhar ou pensar estar sonhando?